O Papel da Arte

Grassmann, Marcelo

Marcelo Grassmann

Marcelo Grassmann (São Simão SP 1925, São Paulo, 2013). Gravador, desenhista, ilustrador, professor. Estuda fundição, mecânica e entalhe em madeira na Escola Profissional Masculina do Brás, em São Paulo, entre 1939 e 1942. Passa a realizar xilogravuras a partir de 1943. Atua como ilustrador do Suplemento Literário do Diário de São Paulo, entre 1947 e 1948, e do jornal O Estado de S. Paulo, em 1948. Reside no Rio de Janeiro a partir de 1949, atuando como ilustrador do Jornal do Estado da Guanabara. Freqüenta, no Liceu de Artes e Ofícios, os cursos de gravura em metal, com Henrique Oswald (1918 – 1965), e de litografia, com Poty (1924 – 1998). Em 1952, reside em Salvador, onde trabalha com Mario Cravo Júnior (1923). Recebe, em 1953, o prêmio de viagem ao exterior do Salão Nacional de Arte Moderna – SNAM, e viaja para Viena, onde estuda na Academia de Artes Aplicadas. Passa a dedicar-se principalmente ao desenho, à litografia e à gravura em metal. Em 1969, sua obra completa é adquirida pelo governo do Estado de São Paulo, passando a integrar o acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo – Pesp. Em 1978, a casa em que nasceu, em São Simão, é transformada em museu, por iniciativa da Secretaria de Cultura, Ciência e Tecnologia de São Paulo, e tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo – Condephaat no mesmo ano. Entre 1991 e 1992, Grassmann é bolsista da Fundação Vitae, em São Paulo.

Fonte: www.itaucultural.org.br

Obra à venda:

"Sem título", gravura em metal de Marcelo Grassmann.

“Sem título”, gravura em metal de Marcelo Grassmann.

“Sem título”.
Gravura em metal.
Tiragem: 25/100.
Dimensão imagem: 16cm x 23,8cm
Dimensão folha: 21,7cm x 27,7cm
VENDIDA

 

MARCELO GRASSMANN: "Guerreiro", gravura em metal.
MARCELO GRASSMANN: “Guerreiro”, gravura em metal.

Guerreiro“, sem data.
Gravura em metal.
Dimensão imagem: 35,5cm x 25,5m
Dimensão folha: 38,5cm x 28,6cm
VENDIDA

O RIO DE JANEIRO NA GRAVURA DE OSCAR ROTHKIRCH

  "O Brasil é a minha segunda pátria; e daqui, se Deus quizer, não sairei jamais." Oscar Rothkirch       Dentre os muitos artistas que estiveram no Brasil na primeira metade do século passado,  um em especial continua até hoje desconhecido entre os estudiosos da gravura e completamente ... leia mais

© Copyright 2010 - Todos os direitos reservados - Made with WordPress