O Papel da Arte

LINÓLEO

"Galo", linóleo, 1942. Lívio Abramo.

O pedaço de linóleo recebe o cavamento como na xilo, por goiva ou canivetes. Poder ser ferramentas mais frágeis do que as usadas para a madeira. Não há possibilidade de realizar traços finos e a impressão é idêntica a da xilogravura. Como características principais, as chapadas de preto compacto, sem o vestígio da fibra, que se nota na gravura em madeira. Ausência de traços finos e de cinzas.

Fonte:

DASILVA, Orlando. A Arte maior da Gravura: participação gráfica de Marcello Grassmann. São Paulo, ESPADE, 1976.

ENTREVISTA COM MONICA BARKI

  Monica Barki, uma das mais completas artistas brasileiras que surgiram nos anos 80 está com uma nova exposição que comecará no dia 09 de setembro na Galeria Acervo da Casa de Cultura da América Latina em Brasília. Sua nova série de desenhos ... leia mais

© Copyright 2010 - Todos os direitos reservados - Made with WordPress